h1

Sorte grande

abril 6, 2010

ReproduçãoFui surpreendido no domingo de Páscoa.

E não foram com cestas de ovos de chocolate.

Recebi a moedinha do Pelé na Placar.

Não há quem não fale dela, não há quem não queira uma.

A minha chegou pelas mãos carinhosas de meu pai.

Ele olhava, xeretava e vasculhava a feirinha do Masp, na avenida Paulista, quando se deparou com a relíquia.

Firmou o olho, observou a origem, checou os detalhes e viu um cuidadoso exemplar, que vinha no embrulho que acompanhava a edição número 1 de Placar em março de 1970.

A ideia de Victor Civita, o fundador da Abril, de reproduzir o símbolo da sorte do Universo Disney para o mundo esportivo, que depois salvou os jornalistas placarianos em muitas ocasiões (essas histórias são ótimas e estão em destaque no livro), agora faz parte da minha história com a Placar.

Nesse presente, só tenho que elogiar meu velho, que deve ter pegado emprestado a persistência dos repórteres da Placar para achar a moedinha.

E ajuda de pai, como falou o Unzelte abaixo, vale ouro.

 Márcio Kroehn

Deixe uma resposta

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: